‘Ser mãe é perdoar as próprias imperfeições’ por Nívea Salgado

Olá a todos os seguidores,

E a minha ‘saga’, diante das minhas inquietudes e reflexões sobre o mundo da maternidade, continua, e pelo jeito não tem hora e nem dia para, ao menos, ser um pouquinho menos intensa.

Penso que a batalha travada entre os nossos ideais/desejos e as nossas reais ações, como mães, será eterna! Essa batalha só teve a data de início, ou seja, quando descobrimos que estávamos gravidas. E a data para o fim, infelizmente ou felizmente, não existe em nenhum calendário.

O jeito é nos fortalecermos e termos a real consciência de que ser MÃE significa errar, aprender, tentar e tentar diariamente e, com muitas experiências e reflexões… ACERTAR!

Portanto, convido a todas as mamães a lerem esse texto belíssimo de Nívea Salgado- link abaixo-.
Eu me senti aliviada, mas ao mesmo tempo tensa, pois em várias partes me encontrei nesse texto. Quem me conhece sabe que o ‘sentimento da perfeição’, ainda, anda me perseguindo.

Beijos a todos, Tetê e minha atual MESTRE, Maitê Maria

http://www.antroposofy.com.br/wordpress/ser-mae-e-aprender-a-perdoar-as-proprias-imperfeicoes/.

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Deixe uma resposta